terça-feira, 29 de abril de 2008

CAPÍTULO UM: CIDADE DE AÇO E CONCRETO [parte 1]

É, dia de mudança é foda! Estou eu aqui, tentando arrumar minhas coisas no meio de toda a zona que se instaurou. Estamos aqui não tem nem duas horas e já tem bagunça para um mês inteiro.
- Cadê minha mala rosaaaaa??? – está todo mundo histérico nessa casa, é uma mala pra lá, uma bolsa pra cá. Acho que o único nem aí é o Caju, que não se levantou nem para tirar suas coisas do carro.
Pin, apelido carinhoso de Malcon Jackysom (por incrível que pareça, a mãe dele queria homenagear o Michel Jackson, e saiu essa bizarrice), estava se descabelando pois sua mala rosa não aparecia.
- Ei Pin, não é aquela ali não? – todos nós olhamos na direção em que Sophia aponta.
- Minha mala, meus perfumes franceses. Oh my god, minha chapinhaaaaaaaaaa!!!
E chorando de um jeito dramático que só Pin e a Talita do BBB 8 conseguem, ele vai até sua preciosa mala, que se encontrava em baixo do bumbum preguiçoso de Caju.
- Por que esse escândalo? Só tava dando uma descansadinha... e nem peidei muito, só foi uma vez...
- Tadinha da minha mala... vou ter de desinfetar minhas roupinhas antes que o cheiro de podridão se impregne...
- Não é pra tanto Pin. Vamos lá galera, quero sair ainda hoje... – falei tentando amenizar a situação.
- Nicky quem vai dormir com quem?
Por que sempre deixam as questões mais difíceis para mim??? Será que não percebem que já é tão difícil ser eu? Não me interpretem mal, é apenas uma triste constatação, e não uma síndrome de ‘emozisse’ aguda.
- Só sei de uma coisa, com o peidoreiro não durmo! Nem meus sais aromáticos dão conta de tanto fedor. – Pin começa.
- E eu não durmo com você, Pin, nada contra, mas pretendo pegar uns brotos da cidade e ter um... ah você entende né? – percebeu que isso vai dar uma tremenda confusão, não? Eu vou esperar todo mundo falar e só então me manifesto.
- Por mim tanto faz...
- Para você sempre tudo tanto faz, né? Sophia você tem que ser mais voluntariosa, menos sonsa. – estava demorando para a Lu começar a implicar com a Sophia.
- Gente, que tal um sorteio? – sugeri.
- Mas e se eu sair com algum menino, papai não permite que durma com um. Nem sei como ele aceitou que eu morasse com um monte.
- No caso você só corre o risco com dois... da sua fruta eu não como, amiga. – Pin tenta, mesmo que desajeitadamente, aliviar a situação.
- E se for assim: Eu com Sophia, Léo com Caju e Pin com a Lu? Acho que é a melhor forma de se ajeitar. – opino.
Todos balançaram a cabeça em concordância, para meu alívio.
E por mais umas duas horas ficamos organizando nosso novo lar. Organizando em partes. Caju e Leo jogaram as malas de qualquer jeito num canto. Eu me dei o trabalho ao menos de abrir as malas e colocar umas roupas no armário. Minha companheira de quarto foi um pouco além disso, pôs tudo em ordem. Mas nada se compara a arrumação de Lu e Pin. Eles arrumaram tudo detalhadamente, chegando Pin a dispor suas camisas por cor, em degradê.

[continua...]

3 comentários:

Anna Karla Lerbach disse...

Esse blog foi o Top Blog da semana em www.catablogs.wordpress.com
=P

Bru & Bia disse...

é capaz de eu me apaixonar tanto pela Nicky qto me apaixonei pela Kitty...


Bru

Júlia disse...

Oiii xáá!!!! Nossa, to amandoo, continua aeee falouu???

=*

bjãO!!!